Episódio 2×17 – “Welcome to Storybrooke”

por há 4 anos e 89 leituras

OnceVejam a sinopse e meu comentário sobre o episódio dessa semana!

Sinopse: “Emma, David e Gold protegem Mary Margaret da fúria de Regina; Henry decide destruir a magia; 28 anos atrás, Regina descobre que forasteiros encontraram a então indetectável Storybrooke.”

Meu comentário sobre a série:

O episódio 2×17 – “Welcome to Storybrooke” mostrou a cidade em 1983, quando ela chegou ao Maine, logo após Regina ter lançado a maldição  das trevas, além disso, mostrou também sua sede de vingança contra Mary Margaret.

Começamos o episódio conhecendo o jovem Owen e seu pai Kurt. Os dois estão acampando em uma floresta do Maine quando uma “tempestade elétrica” se aproxima. Uma coisa que gostei nesse episódio é que essa cena foi a única em que tiveram que usar efeitos especiais (tirando as partes com os corações) e isso é um aspecto positivo, afinal, sem o chroma-key tudo fica muito mais realista.

Misteriosamente uma cidade aparece do nada, deixando os dois muito confusos. E quem aparece para dar a eles as boas-vindas? O querido personagem interpretado por Jamie Dornan, o xerife Graham/Caçador. Tenho certeza que todos estavam sentindo falta dele, e mesmo aparecendo apenas em flashbacks, deu para matar a saudade. E eu tenho certeza que ainda teremos episódios com ele pela frente, pois estou certo que a história com Storybrooke no passado não acabou.

Regina começa se enjoar de viver congelada no tempo e vai até ao Sr. Gold que diz não saber de nada. Ela então começa a gostar de Owen e convida ele e seu pai para jantarem em sua casa. Achei bem irônico quando ela diz que só era boa em receitas com maçãs (Branca de Neve que o diga). Lá, ela tenta convencer eles de se mudarem para Storybrooke, mas como Kurt diz a ela, a vida deles era em New Jersey.

Desesperada por ficar mais um tempo com o garoto, Regina usa o coração de Graham para fazê-lo prender Kurt por dirigir bêbado e levar Owen até ela. O problema é que o forasteiro a vê usando o coração e tenta fugir. Eu amei a cena da perseguição de carros! Agora podemos ver mais um vez como Regina é possessiva, não é? Mas tudo acaba dando errado para ela e Owen foge, deixando seu pai na cidade.

Em Storybrooke atual, Regina enterra sua mãe, Cora. Não acredito que vou dizer isso, mas eu não queria que ela tivesse morrido. Era uma personagem com muito potencial e a interpretação de Barbara Hershey era perfeita. Mas fazer o quê, não é? No enterro Rumple vai dar seus respeitos e lembra a Rainha de ela não pode ter tudo que quer.

Mary Margaret vai procurar a inimiga e implora a ela que arranque seu coração e esmague-o. O que ela realmente não esperava era que ela estava destruindo a si mesma. Seu coração estava ficando negro e para não poupá-la do sofrimento, Regina a deixa ir embora. E Greg, lógico, estava filmando tudo. Agora ele já tem provas de que Storybrooke não é um lugar muito comum.

 Na última cena do episódio, descobrimos que Greg Mendell na verdade é Owen. Desde a metade do episódio eu comecei a desconfiar disso e depois tive a confirmação. Ele está disposto a  encontrar seu pai a qualquer custo. Será que ele vai conseguir?

Para terminar, na promo do próximo episódio, August finalmente vai aparecer e Tamara, noiva de Neal está a caminho de Storybrooke. Como tudo nessa série está ligado, acho que ela pode ser um personagem de contos de fadas. E se o Neal for Peter Pan, como eu acho que é, quem sabe ela não é a Wendy?

Bjin e Xauzin…

[Pessoas da minha vida, vamos ajudar a divulgar o site, precisamos muito do seu apoio, então twitte, Clique em +1, curta e compartilhe! Seu comentário será muito importante para nós!]

Abril, mês de nosso aniversário! Portal 3 Anos!

Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Copyright 2010-2017 • Portal Literário JuLund • Todos os direitos Reservados

Desenvolvido por Studio Sigales