Resenha Tempos Compulsivos Ed. Casa da Palavra

por há 6 meses e 292 leituras

sinopse – “Tempos compulsivos” reúne reflexões sobre um tempo de respostas exaltadas, de opiniões apressadas, desabafos públicos e de uma busca desmedida e imediata pelo prazer. Partindo de¬ considerações acerca de nosso estilo de vida, de nossas demandas, de tudo aquilo que se vai incorporando ao cotidiano sem percebermos, constata que essa aceleração resultou tanto no crescimento de compulsões, como das depressões e dos quadros de violência. Pesadas rotinas de trabalho, compromissos presenciais e virtuais, incontáveis afazeres apontam para o fato de que a vida não cabe mais nas 24 horas diárias. Somos hoje impostos a uma extrema aceleração na maneira de viver e de pensar. O resultado é só um: pessoas exaustas, sobrecarregadas, estressadas, muitas vezes “gritando” silenciosamente por socorro.

Neste livro, a psicanalista Sandra Edler se debruça sobre depoimentos de pessoas que sofrem deste mal e estabelece uma relação entre nosso modo de vida e o crescimento de compulsões pelos mais variados elementos, como alimentos, exercícios, dinheiro, compras, uso da internet, jogos, sexo e até mesmo trabalho.

Em algum momento, ultrapassamos uma linha tênue e o que poderia parecer apenas um hábito, passa a tomar conta de nossa personalidade. E, quem nunca se sentiu ansioso frente a Intensidade dos dias de hoje?

A compulsão por redes sociais, inserção em grupos, falta de tempos, festas, corre-corre… Isso tudo inspirou a obra da autora de Tempos Compulsivos.

Psicanalista experiente, aborda tudo sobre nossos tempos compulsivos e abre espaço para uma reflexão, quem dera uma profunda análise de vida. Convida o leitor comum à uma pausa e – ao mesmo tempo – faz uma critica social (devemos evitar movimentos “de manada”, sugere).

Busquei mais sobre ela e acabei nessa Entrevista da autora para a Folha. Leia aqui, achei bastante interessante!

Uma reflexão sobre as compulsões e o tempo em que vivemos.

Outra coisa que acabei fazendo ligação – série Black Mirror. É ou não é?

(para quem não cohece, Black Mirror é uma série de televisão, de ficção, criada por Charlie Brooker e centrada em temas obscuros e satíricos que examinam a sociedade moderna, particularmente a respeito das consequências imprevistas das novas tecnologias)

Aqui a doutora Sandra, falando do tema do seu livro antes do lançamento. Assista:

Já recomendei esse livro para todos que conheço, inclusive deixei bem exposta na minha casa para que – quem sabe – “pesque” um novo leitor ao acaso. Não só isso, provavelmente lerei a obra mais vezes durante minha vida!

“O mais complicado é que
eu tinha lucidez para identificar
o que estava acontecendo e
clareza para ver que estava
demais. O que me faltava era a
força para interromper aquilo.”

Tempos Compulsivos – A busca desmedida e imediata pelo prazer > LeYa Primeiro, deguste e aproveite para ver DENTRO desse livro CLICANDO AQUI.

Quem sabe, após a leitura deste livro, consigamos parar um momento, repensar o dia a dia, rever posições e tomar outro caminho, contrário à desesperança, à intensidade desmedida e ao desespero… BJOKAS e até mais!

lembre-se: as Compulsões reduzem a liberdade.

Ju Lund

Escritora, graduada em Artes Visuais e pós-graduanda na área,Téc. em turismo e hotelaria, gaúcha de Pelotas que adora assistir séries de tv. Viciada em Lititeratura. Fundadora do site (em 04/10) e Editora Chefe deste Portal. No Twitter @aJuLund

Facebook Instagram Twitter Google+
Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Copyright 2010-2018 • Portal Literário JuLund • Todos os direitos Reservados

Desenvolvido por Studio Sigales