Resenha III de Reunião, @galerarecord.

por há 6 meses e 156 leituras

Suzannah é uma adolescente como outra qualquer. Bem, quase…Ela tem um pequeno segredo: é uma mediadora. Fala com fantasmas e os ajuda a descansar em paz. Um dom um tanto incomum para ser divido com os colegas, irmãos e até mesmo com a mãe. Mas de uma pessoa Suzannah não conseguirá esconder seu segredo. Gina, sua melhor amiga de Nova York, está na cidade passando uns dias com ela. Durante sua estada, quatro adolescentes morrem num acidente de carro. E Suzannah se vê obrigada a abrir mão de seus dias tranquilos com a amiga para ajudar as almas penadas.

Suze mais uma vez está tendo problemas devido ao seu dom de ser mediadora. E dessa vez não é um ou dois fantasmas, são quatro… Quatro almas com pendências a serem resolvidas. E tudo aconteceu por causa de um acidente de carro que pode não ter sido tão acidental assim.

“- Jesse falou que sentiu uma grande… é… agitação por lá. – Pousei o jornal e apontei para cima, por falta de uma direção melhor. – E muita raiva. Parece que temos uns turistas infelizes por aí. Disse que eles estão procurando alguém. A princípio achei que não podia estar falando desses caras – bati no jornal – porque tudo que eles pareciam estar procurando era cerveja. Mas é possível que tenham outro objetivo. – Um objetivo mais assassino, pensei, mas não falei alto.”

Além de todos os problemas com os fantasmas Suzannah tinha que lidar com Gina, sua melhor amiga que veio de Nova York passar uns dias com ela, e o fato de Gina estar se envolvendo com um de seus meios-irmãos que ela particularmente não gosta muito.

Ela acaba tendo que fingir gostar do causador do acidente citado acima, que é um nerd sem amigos e com grandes tendências a se tornar um psicopata.

“Deixe-me esclarecer uma coisa aqui. Ainda que para o resto da humanidade os fantasmas não tenham matéria – a maioria de vocês anda através deles o tempo todo e nem sabe; talvez sinta um ponto frio, ou um arrepio estranho, como Kelly e Debbie no mercadinho -, para um mediador eles são definitivamente feitos de carne e osso. Como foi ilustrado pelo meu soco na cara de Josh.”

Esse é definitivamente o meu livro preferido da série A Mediadora (até agora). Acho que todas as situações desse livro me chamaram mais atenção que nos outros, os personagens secundários tiveram uma participação melhor e a história era mais cativante.

Ficha Técnica:

Autor: Meg Cabot

Editora: Galera Record

Páginas: 268

Ano: 2007

Skoob: Reunião

Onde comprar

Abraços Da Lívia!

Lívia

Hey, hey, hey! Sou estudante do ensino médio, leitora desde os quatro anos de idade, louca por livros, músicas, filmes, séries e animais. Tenho um pavor não muito secreto de spoiler (mas amo dar spoiler para os outros haha). Chorona de carteirinha, apesar de não gostar muito de histórias dramáticas (como eu sempre digo, de dramas já bastam os meus haha), mas amo romances misturados com outros gêneros. Amo fadas, unicórnios e semelhantes, afinal meu gênero preferido para livros e etc. é fantasia *-*. Atualmente, dando uma de fangirl por qualquer coisa que seja interessante aos meus olhos e ouvidos!

Facebook Instagram Twitter Google+
Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Copyright 2010-2017 • Portal Literário JuLund • Todos os direitos Reservados

Desenvolvido por Studio Sigales