Resenha de Faça Boa Arte @intrinseca

por há 4 meses e 168 leituras

Sinopse: Em maio de 2012 o autor best-seller Neil Gaiman subiu ao palco da University of the Arts na Filadélfia para fazer um discurso de formatura. Durante dezenove minutos ele dividiu com os formandos suas ideias sobre criatividade, bravura e força, encorajando os novos pintores, músicos, escritores e sonhadores a quebrar as regras, pensar de forma inovadora e, acima de tudo, Fazer Boa Arte.

O discurso virou um livro, idealizado pelo renomado designer gráfico Chip Kidd, que contém o texto inspirador de Gaiman na íntegra. Seja para um jovem artista no início de sua jornada criativa, ou como sinal de gratidão para um mestre a quem se admira, ou para você mesmo, essa obra é o presente ideal para quem dá tudo de si a fim de fazer bem-feito o que faz. Em sua passagem pela FLIP em 2008, Neil Gaiman atraiu um público recorde e autografou quase 1.000 livros durante mais de 5 horas.

O blog do autor tem mais de 2 milhões de acessos por mês, e seu Twitter tem quase 2 milhões de seguidores. Escritor de quadrinhos, ficção adulta e infantojuvenil e roteiros para a TV e o cinema, Gaiman é o criador da icônica série Sandman, de Stardust, Deuses americanos e Coraline, e suas obras foram adaptadas em bem-sucedidas versões para cinema, TV e até ópera, atingindo os mais variados públicos.

O oceano no fim do caminho, sua primeira obra lançada pela Intrínseca, ultrapassou a casa dos 40.000 exemplares vendidos. Chip Kidd é um dos mais aclamados designers editoriais da atualidade, criador de capas antológicas, como a do livro Jurassic Park, cuja Iustração inspirou a identidade visual do filme de Steven Spielberg.

“Tenho um carinho especial pelo leitor brasileiro, pois o Brasil foi o primeiro país depois dos EUA a publicar minha obra.” Neil Gaiman a O Estado de S. Paulo.

As escolhas que você está fazendo estão te aproximando ou afastando de sua montanha???

(montanha= sonho, objetivo… meta)

Quando recebi O Discurso “faça boa arte” de Neil Gaiman – publicado pela parceira @Intrínseca – estava naquele momento de reflexão sobre planos presentes, passados e futuros. Sendo assim, o livro foi A LUZ, que está me fazendo pensar até agora.

O seu discurso foi feito para todos que estão olhando ao redor e pensando “E agora”, ou seja, veio muiiiiiiito bem no meu caso e nele o autor consagrado dá dicas e conselhos objetivos e sinceros. Fiz a blasfêmia de dobrar uma orelhinha nessa parte, dá uma lida:

*Sobre o autor: Neil Gaiman nasceu em 1960, na cidade de Portchester, Inglaterra. Desde pequeno, demonstrou sua ligação com os quadrinhos. Seu trabalho mais conhecido é “Sandman”, que o imortalizou entre os fãs de HQs. Por 75 números, Gaiman e “Sandman” foram se tornando cada vez mais famosos. A série tornou-se o carro-chefe do selo Vertigo, destinado a um público geralmente adulto que não queria mais saber de super-heróis. O autor ganhou reconhecimento da crítica ao receber prêmios ao redor do mundo, entre eles o prestigiado World Fantasy Award, geralmente concedidos apenas a obras em prosa.Entre outros vários trabalhos com HQs, romances e roteiros, Gaiman publicou os livros “Coraline”, “Deuses Americanos” e “O Livro do Cemitério”.

Eu acredito em destino, claro, mas somos o resultado de escolhas. Isto posto, no final dessa infinita conta, precisamos olhar para trás e pensar “é, valeu a pena”. Já ao olhar em frente devemos apenas sorrir.

“ENTÃO SIMPLESMENTE VÁ E FAÇA”.

Um discurso de autoajuda, um empurrão e um puxão de orelha. Tudo reúnido em um livinho miúdo, com trabalho gráfico inusitado e páginas não numeradas. Afinal, regras servem para serem transpostas e quem não inova…

Eu estou apaixonada, não sou grande fã de ler as obras de NEIL, mas su super fã de sua carreira (grifar) caminhada literária (ainda mais que KING já gostou de ler livros dele, imagina se o cara é bom!) e agora vou me esforçar para terminar de ler uma obra dele.

“Erros Fantásticos”

E, se não conseguir ser sábio, finja ser alguém que é, e então será só se comportar como tal”.
E é isso que estou fazendo agora, me esforçando para te convencer que Sei fazer uma boa resenha de livro e te recomendando muito ter esse discurso em livro na sua mesinha de cabeceira – independente de sua profissão.

Cinco mil estrelas cheias de gratidão eterna por cada palavra.

“isso é muito legal mesmo, aproveite!”

Ficha técnica

  • Capa dura: 80 páginas
  • Editora: Intrínseca; Edição: 1 (14 de abril de 2014)
  • Idioma: Português
  • Compre AQUI
Ju Lund

Escritora, graduanda em Artes Visuais,Téc. em turismo e hotelaria, gaúcha de Pelotas que adora assistir muitos filmes e séries de tv. Viciada em Lit. Fantástica. Fundadora do site (em 04/10) e Editora Chefe deste Portal. No Twitter @aJuLund

Facebook Instagram Twitter Google+
Loading Facebook Comments ...
Loading Disqus Comments ...

Copyright 2010-2017 • Portal Literário JuLund • Todos os direitos Reservados

Desenvolvido por Studio Sigales