Entretenimento
e Incentivo à Literatura Fantástica //

Horripilantes contos de Fadas, resenha.

Veja minha resenha do livro Horripilantes Contos de Fadas, de Michael Coleman, publicado no Brasil pela editora parceira Cia das Letras.

Horripilantes Contos de Fadas

Sinopse:

“Aqueles que acham que os contos de fadas são sempre melosos estão redondamente enganados. Pelo menos as suas versões originais, antes de serem passadas para o papel, eram bem diferentes. Contadas há centenas de anos, elas eram horripilantes e atendiam às necessidades da época. Os camponeses, por exemplo, contavam histórias para trazer ânimo ao trabalho tedioso nos campos ou nas salas de fiar. Já as famílias sentavam ao redor do fogo, nas longas noites de inverno, e entretinham umas às outras contando histórias de aterrorizar.
Neste livro, o leitor vai conhecer os contos de fadas como eram narrados em sua origem, sem censura. Nada parecido com as versões açucaradas que ouvimos dos nossos pais, ou assistimos na televisão, ou lemos em livros piegas com lindas princesas e castelos cheios de torres na capa. São histórias brutais, como a de Rumpelstiltskin, um baixinho horroroso que tenta roubar o filho da rainha; da Pequena Sereia, que cai nas garras da terrível Bruxa do Mar; do João e da Maria, que são abandonados pelos pais e sofrem pra dedéu, e muitas outras. Entre um balde de sangue e outro, há ainda seções de curiosidades, apresentando bruxas malvadas, contadores de histórias e finais felizes. Da mesma coleção de As 10 + Histórias de terror e As 10 + Lendas do rei Artur.”

Minha resenha:

O livro é totalmente diferente do que eu pensei ser, sinceramente não gostei muito, por vários motivos…

Primeiro, eu pensei que os contos de fadas teriam mais ação e mais terror. Pelo contrário, não teve nenhum dos dois. Segundo, as histórias no livro perderam a magia e o significado dos contos de fadas. E terceiro, depois de cada história tinha uma curiosidade e as curiosidades eram em forma de listas, eu particularmente amo listas, mas estas do livro estavam chatas e cansativas, sem nada de muito chamativo e interessante!

De todos os contos o melhorzinho foi o do Pequeno Polegar, que pelo menos era engraçado.

O autor deixou os melhores personagens muito chatos e superficiais, os heróis e heroínas ficaram sem graça e com cara de bobões!

Quanto às ilustrações, a melhor é a da capa (não sei se é porque está colorida), as outras ficaram parecendo que o ilustrador estava com preguiça de desenhar então fez de qualquer jeito…

Mas essa é a minha opinião sobre o livro, vocês podem ler e gostar, mas literalmente não é o meu estilo de livros!

Então continuem aproveitando o site e nos ajudem a divulgá-lo, curta, twitte, compartilhe e clique em +1! Abraços!

Publicado por em sexta-feira, 7 de junho de 2013.

4 Comentários

em “Horripilantes contos de Fadas, resenha.”

  1. Resumo da semana #51 | Portal Ju Lund 08/06/13 17:01

    [...] 07/06 – Horripilantes contos de Fadas, resenha. AQUI! [...]

  2. Eduardo Eduardo 09/06/13 16:14

    Eu vi o título e a capa e logo pensei: essa história de que os contos de fadas são meros contos de fadas é velha. De fato, esses contos que a gente conhece geralmente com o filtro da Disney nada ou pouco tem a ver com as versões originais. Muitas vezes eram histórias para assustar as crianças e fazer com que se comportassem corretamente. Mas sinceramente não acredito que o objetivo fosse atingido… Como eu sempre digo, quem tem medo é que se assusta, quem não tem, vai continuar não tendo…

    Quanto ao livro propriamente dito, às vezes eles são apresentados com uma boa proposta, mas não funcionam… Daí pode-se perguntar se não funcionou porque foi malfeito ou não funcionou porque não correspondeu às expectativas de quem leu.

    Se o livro promete histórias horripilantes, e as histórias não são tão assustadoras assim, então há uma (grande) falha.

    Mas não entendi uma coisa, as histórias são apresentadas como escritas originalmente, ou foram transformadas por esse autor, Michael Coleman?

    Se são histórias originais, pode ser que o terror daquela época não faça mais efeito hoje… (o que duvido muito). Mas se houve uma mãozinha desse autor, então a culpa cabe a ele.

    1. Livia Livia 14/06/13 14:03

      Eu realmente me decepcionei com este livro, o que eram para ser horripilante se transformou em chato, e tenho quase certeza que as histórias não eram contadas assim antigamente (quem ler o livro vai entender), as histórias foram escritas em formas diferentes como: um programa de TV, um jornal, etc!

  3. Susana Saito Susana Saito 19/10/13 21:33

    Olá… estou fazendo uma pesquisa sobre contos originais da Cinderela e, se possível, seria muito útil se vcs pudessem me ajudar! Nesse livro tem o conto da Cinderela? O autor diz de quem é a versão (do Charles Perrault ou irmãos Grimm)?
    É que vcs demonstraram tamanha insatisfação que fiquei com receio de comprar e jogar dinheiro fora! Já procurei em bibliotecas, mas estão todos emprestados… Só queria saber se vale a pena correr atrás desse livro…
    Obrigada!!!

Deixe seu comentário
  • › É sua primeira vez? Seu comentário passará por moderação.
  • › Links e emails não são permitidos por motivo de segurança.

Veja outros artigos, além de "Horripilantes contos de Fadas, resenha.", sobre: , , , , , , ,

Livia

Estudante, Mineira, apaixonada por livros de fantasia e aventuras, louca por séries de TV, filmes e que curte ouvir musica boa. Colunista na área de resenhas (retorno) desde março/13. No twitter pessoal @anapf20


SAIU AGORA

Curta o Portal ;-)

Portal JuLund Entretenimento e Incentivo à Literatura Fantástica.
(c) Copyright 2010-2014 Portal JuLund - Todos os direitos reservados. Fundado e mantido por Ju Lund by Jeferson Sigales