Entretenimento
e Incentivo à Literatura Fantástica //

Helena – Machado de Assis, Resenha

Leiam minha resenha do livro Helena, grande obra de Machado de Assis, publicada pela editora Moderna.

Helena - Machado de Assis

Sinopse:

“Filha bastarda do conselheiro Vale, a jovem e bela Helena é reconhecida por ele em testamento e passa a viver na mansão da família. Só então conhece Estácio, apresentado a ela como seu irmão. Mas entre eles despertou o amor. E agora?”

Resenha do livro Helena:

Quando o conselheiro do vale morre e reconhece em seu testamento uma filha bastarda tudo leva a crer que ela terá dificuldades com a nova família. A aceitação dela leva tempo, mas apesar de todas as dificuldades, Helena não se deixa vencer, ela é forte e meiga, decidida e frágil.

Tudo muda quando uma paixão avassaladora toma conte de seu ser. O que ela deve fazer? Como evitar tamanha dor? Mas Helena não deve aceitar tudo o que o destino lhe traz, tudo o que o destino lhe proporciona.

“Que erro será esse? E que necessidade tinha ele de vir lançar-me este enigma no coração?”

Um romance trágico e encantador ao mesmo tempo, uma luta entre a honra e o amor, entre a vida e a morte, é isto que Machado de Assis nos trás neste romance épico, Vida, Amor e Morte.

Este é um dos romances mais lindos que já li. Trás uma heroína que luta contra os seus sentimentos, e que tem tantos segredos que isso acaba de forma trágica. Helena é dos melhores livros da fase romântica de Machado de Assis. O livro não trás grandes surpresas no seu desenvolvimento, seu final é que surpreende, que faz o leitor pensar o que se passa na cabeça do autor para fazer tal atrocidade com uma personagem tão meiga. É um dos poucos livros de romance que gosto e recomendo a todos que gostam de um clássico da nossa literatura.

Não esqueça de deixar o seu oi para mim! O que achou da resenha? Pretende ler o livro? Estou esperando a sua opinião!!

Beijinhos da Paty ;)

Publicado por em segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014.

Deixe seu comentário
  • › É sua primeira vez? Seu comentário passará por moderação.
  • › Links e emails não são permitidos por motivo de segurança.

Veja outros artigos, além de "Helena – Machado de Assis, Resenha", sobre: , , , , , , ,

Paty

"Amo tanto as palavras ... As inesperadas ... As que avidamente a gente espera, espreita até que de repente caem ... Vocábulos amados ... Brilham como pedras coloridas, saltam como peixes de prata, são espuma, fio, metal, orvalho ... Persigo algumas palavras ... São tão belas que quero colocá-las todas em meu poema ... Agarro-as no vôo, quando vão zumbindo, e capturo-as, limpo-as, aparo-as, preparo-me diante do prato, sinto-as cristalinas, vibrantes, ebúrneas, vegetais, oleosas, como frutas, como algas, como ágatas, como azeitonas ... E então as revolvo, agito-as, bebo-as, sugo-as, trituro-as, adorno-as, liberto-as ... (Pablo Neruda - La Palabra)"


SAIU AGORA

Curta o Portal ;-)

Portal JuLund Entretenimento e Incentivo à Literatura Fantástica.
(c) Copyright 2010-2014 Portal JuLund - Todos os direitos reservados. Fundado e mantido por Ju Lund by Jeferson Sigales